Pages

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Quando fui chuva


Cai chuva o dia inteiro, faz frio, estou quieta, estou confusa.
Que caminho tomar com tanta água?
Onde não sentir tanto frio?
Como não molhar minhas idéias, meus sonhos, minhas histórias.
Mas cai bem um café, um bolo quente, um lençol quentinho e um gostoso se enroscar.
Chove e as águas lavam meus pensamentos, eles podem ressurgir limpos, renovados...
Águas, me levam pra outro lugar, me levam pra longe, me levam, me levam.
Frio. Não gosto de frio!

7 comentários:

Mila Lopes disse...

Oi Dani!

Quem disse que vc não tem o dom da escrita? Nossa, seu texto está maravilhoso...

Bjs linda

Mila

Belos e Malvados disse...

Desculpa, mas adoro chuva. Deprimo é com sol.

HG disse...

"Não gosto de frio!"...
Quer dizer que não posso te convidar pra vires à Holanda???
Ah, mas no verão é quente... vem!

Borboletas nos Olhos disse...

Affe, que estas águas me deixam mesmo com vontade de me enrodilhar na rede e não sair pra nada...Mas adoro o barulhinho da chuva no telhado, rsrsr. Bjs

Shuzy disse...

Daniii
Chuva e frio... Adoooro
hehe

Cáh disse...

Nossa, eu não conhecia! Que coisa mais linda!!!!!

'minha dança os meus traços de chuva'


Que bom que vc compartilhou!
Um beijo, doce e enorme beijo!

Anna Larissa disse...

Calor é beeeem pior!! Tem de concordar >_<

beeijo :*