Pages

sábado, 16 de abril de 2011

Retribuindo

Laurent Laveder

Eu queria te dar a lua, só que pintada de verde


Cantando agente inventa.
Inventa um romance, uma saudade, uma mentira...
Cantando a gente faz história.
Foi gritando que eu aprendi a cantar:sem nenhum pudor, sem pecado. Canto pra espantar os demônios, pra juntar os amigos.
Pra sentir o mundo, pra seduzir a vida.


Tudo é tão simples que cabe num cartão postal...



 Tenho amor incondicional pelas pessoas que entram em minha vida e sinceramente, não sei o quanto isso é bom nos dias atuais. Talvez esse seja meu pior defeito.


Nós gostamos de ROCK e somos loucos
Eles fazem besteiras e são normais
Q vivam os loucos d boa cabeça
E pela metamorfose da vida s tornem
MALUCO BELEZA!!


Nunca tive medo de me mostrar. Você pode ficar escondido em casa, protegido pelas paredes. Mas você tá vivo, e essa vida é pra se mostrar. Esse é o meu espetáculo. Só quem se mostra se encontra. Por mais que se perca no caminho."

Meu coração tá aberto
E as minhas malas desfeitas
Eu não vou embora tão cedo...


De Cazuza para quem mais sabe contar... 2+2=5
Seu carinho é aconchego na minha alma! Obrigada!

3 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Linda homenagem...Bjs a duas!

Walquiria disse...

Dani, pessoinha linda

Tão bom o teu carinho. Por isso, fazendo jus ao tema do post, vim retribuir. Guarde essa certeza:

"Meu coração, não sei por quê
Bate feliz quando te vê"

Bjs doces

P.S. Lindo post

Long Haired Lady disse...

que coisa linda minha querida!!! eu acordei hoje com um baita torcicolo e só passei em alguns blogs pra visitinha…que lindo, estou emocionada!

beijo linda!
love u