Pages

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Sobrevivendo...

Já começei e parei esse poste trilhões de vezes... músicas... livros... fui e voltei...
Quero compartilhar alegrias mas esses dias tem sido de correria... avó doente, família em pleno stress, trabalho 6 dias na semana ... ufa!
Livros... músicas... poemas... Estou um misto de...
As pessoas acham que a alma gêmea é o encaixe perfeito, e é isso que todo mundo quer. Mas a verdadeira alma gêmea é um espelho: a pessoa que mostra tudo que está prendendo você, a pessoa que chama a sua atenção para você mesmo, para que você possa mudar a sua vida. Uma verdadeira alma gêmea é provavelmente a pessoa mais importante que você vai conhecer, porque elas derrubam as suas paredes e te acordam com um tapa. Mas viver com uma alma gêmea para sempre? Não! Dói demais. As almas gêmeas só entram na sua vida para revelar a você uma outra camada de você mesma, e depois vão embora. (Comer, rezar e amar)
 Um pouco de...
Acabei com tudo
Escapei com vida
Tive as roupas e os sonhos
Rasgados na minha saída
Mas saí ferido
Sufocando meu gemido
Fui o alvo perfeito
Muitas vezes no peito atingido
Animal arisco
Domesticado esquece o risco
Me deixei enganar
E até me levar por você
Eu sei quanta tristeza eu tive
Mas mesmo assim se vive
Morrendo aos poucos por amor
Eu sei, o coração perdoa
Mas não esquece à toa
E eu não me esqueci
Não vou mudar
Esse caso não tem solução
Sou fera ferida
No corpo, na alma e no coração
Eu andei demais
Não olhei pra trás
Era solto em meus passos
Bicho livre, sem rumo, sem laços
Me senti sozinho
Tropeçando em meu caminho
À procura de abrigo
Uma ajuda, um lugar, um amigo
Animal ferido
Por instinto decidido
Os meus rastros desfiz
Tentativa infeliz de esquecer
Eu sei que flores existiram
Mas que não resistiram
A vendavais constantes
Eu sei que as cicatrizes falam
Mas as palavras calam
O que eu não me esqueci
Não vou mudar
Esse caso não tem solução
Sou fera ferida
No corpo, na alma e no coração
Não vou mudar
Esse caso não tem solução
Sou fera ferida
No corpo, na alma e no coração
Composição: Roberto Carlos / Erasmo Carlos 
E as vezes até de...
É claro que a vida é boa
E a alegria, a única indizível emoção
É claro que te acho linda
Em ti bendigo o amor das coisas simples
É claro que te amo
E tenho tudo para ser feliz
Mas acontece que eu sou triste...
Vinícius de Moraes

E assim vou sobrevivendo... do jeito que a vida dá...

3 comentários:

Hope* disse...

Passei pra deixar um beijinho entre os poemas "enigmáticos"...
Sobreviva, é o único jeito =s

Bjoosss!
=)

Michele Santti disse...

Ah! O amor...

Quanto mais complicado, mais envolvente.

Um beijo,
Ótima semana amiga.

Adoro tua presença lá no Blog.

Maggie May disse...

eu não sei se ele é minha alma gêmea, sei que me despertou, me sacudiu e fez a vida valer a pena, mesmo com tudo que sofri e enfrentei, mesmo que não tivessemos ficado juntos…

e você amiga linda vai se refazer, e um dia vai ver que não doi mais.

beijo!
saudade..