Pages

segunda-feira, 7 de março de 2011

O discurso da rainha

Aproveitando o carnaval fomos ver o filme que ganhou o oscar.
Vale a pena deixar claro: não entendo de filmes (ou gosto ou não gosto deles), não entendo nada de oscar, nem tão pouco consigo assistir aquele espetáculo na TV (não consigo dormir tarde), mas as pessoas falam tanto que acaba você querendo ver o "filme do oscar".
Gostei! Gostei como gostei também do filme Meu primeiro beijo - 1991.
Muitas histórias de amor: amor entre amigos, amor de companheira. É! O que mais me chamou a atenção no filme foi Elizabeth, uma esposa sofrendo junto, preocupada, disposta a ajudar. Cuidadora.
Todos os comentários que tinha visto falavam de um rei ajudado por um amigo mas, para mim, foi Elizabeth o elo de ligação, foi ela quem o apoiou, quem lhe enxugou as lágrimas e fez isso com a beleza de quem ama verdadeiramente. Fez isso com o mesmo encantamento como Vada Sultenfuss beija Thomas no lago. Sofre com a possibilidade do marido ser ridicularizado por sua gagueira como Vada sofre quando aproxima-se do caixão do amigo.
Mais uma vez me emocionam as mulheres, que mesmo sem papéis principais levam o oscar de melhores: companheiras, amigas, conselheiras, cuidadoras, cúmplice, parceira, disposta a dividir a dor, as dificuldades.

O discurso da rainha ninguém viu, não virou filme, não ganhou oscar, mas foi emocionante.
Ontem eu assisti O Discurso (entrelinhas) da Rainha!
Quero ser Elizabeth! Para sempre!

8 comentários:

Winny Trindade disse...

Ainda quero assistir esse filme.

Abraço meu.

Belos e Malvados disse...

Bacana ver o filme por esse prisma, principalmente hoje. Abraços para vc.

Lori disse...

Fiquei curiosa amiga. Vou assistir
Mas nã se preocupa, tu numtem como num ser da realeza pra sempre!!!!!!!!!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Feliz dia da mulher!!

Borboletas nos Olhos disse...

Ainda não vi, mas já disse que amo o Colin? Pois é.

Long Haired Lady disse...

é verdade, quem ama verdadeiramente acompanha, da suporte e nem aparece para os outros, só para quem importa.

Cáh disse...

gostei do 'não entendo de filmes, ou gosto ou não gosto' no final das contas acho que é só isso mesmo, questão de gosto, cada um interpreta de uma forma mesmo.


e olha, me deu uma baita vontade de ver este daí do discurso.


Um Beijoo!!

Shuzy disse...

(*=

Tá na lista de 'próximos filmes a assistir'

HG disse...

Ainda não vi, mas fiquei curiosa...
Saudades daqui!
bjs